Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

insubmisso-sempre



Quinta-feira, 29.08.13

COMO ANDARÁ A ESPINHA DE PASSOS COELHO?

Começo por recordar Passos Coelho quando, ainda na oposição, defendeu a responsabilização civil e criminal dos responsáveis pelos maus resultados da economia do país, para que não continuassem “a andar de espinha direita, como se não fosse nada com eles”. Não resisto a perguntar: como andará a espinha de Passos Coelho?

Que o FMI é uma organização que pratica o terrorismo social à escala internacional é do conhecimento de toda a gente, embora alguns assobiem para o lado perante essa realidade e até se deem bem com tal gente. A senhora Lagarde até consegue parecer preocupada com os efeitos das medidas que o FMI impõe, mas isso não passa de rábula para patego ver.

Depois de ter feito contas aldrabadas aos salários dos portugueses - aldrabice que, também neste caso concreto, partilha com o governo português, demonstrando que se um tem fome ao outro não falta a vontade de comer - vem agora o FMI dizer que estes devem ser reduzidos, desde logo o salário mínimo nacional!

Nada lhes interessa - ao FMI e à sua agência portuguesa dirigida de São Bento - se...

...há um acordo social, que está a ser desrespeitado, que prevê o aumento do salário mínimo;

...os portugueses têm um dos mais baixos salários mínimos em vigor na união europeia;

...os portugueses têm visto os seus rendimentos reduzidos por múltiplos fatores que sobre eles atuam;

...aos salários de boa parte dos portugueses foi imposta uma redução dita temporária que não se sabe quando terminará;

...as carreiras da maior parte dos trabalhadores portugueses se encontram congeladas desde janeiro de 2011, congelamento que acumula aos dois anos e meio de congelamento imposto entre agosto de 2005 e dezembro de 2007;

...a carga fiscal que se abate sobre os salários em Portugal é de uma violência enorme!

O que lhes interessa - ao FMI e à sua agência portuguesa dirigida de São Bento - é continuar a roubar, a empobrecer o país e os portugueses, a explorar cada vez mais as pessoas, a criar dependências que levem os cidadãos a comer e calar, a transformar a vida num ato de sobrevivência.

Eles irão até onde puderem se não os pararmos... e se puderem transformar-nos em escravos eles farão isso. Escravos que usam, que abusam e que matam se isso for necessário. Quem pratica este mal e semeia o terrorismo social, como faz esta gente. Essa canalha que quer reduzir ainda mais os salários, incluindo o mínimo, vive na maior, vive sem problemas, tem dinheiro para alimentar os filhos, nunca chorou por não saber como pagar as dívidas, nunca pensou o suicídio como saída. É gente desonesta que vive à custa dos outros, a bem dizer, são chulos (proxenetas sociais, sim). Gente reles que Portugal sempre teve, mas de que os portugueses sempre se souberam livrar. Também esta será, bastando, para tanto, que o povo assim o queira.

Termino como comecei: como andará Passos Coelho de espinha?

 

Para que não se esqueça (FMI): http://www.youtube.com/watch?v=_Adp77ivpT8

Para que nos lembremos (EU VI ESTE POVO A LUTAR): http://www.youtube.com/watch?v=dxvC0TfKLSo

Autoria e outros dados (tags, etc)

por insubmisso-sempre às 15:25

Quinta-feira, 29.08.13

QUE SAUDADES DO ZORRO!

Zorrinho diz que os partidos da esquerda de protesto deixaram o PS sozinho nas mãos da troika. Que chatice, ali sozinhos a pensarem como agredir o povo português... Pelos vistos, Zorrinho gostava que os partidos que considera da esquerda de protesto não deixassem o PS sozinho nas mãos da troika e se entregassem reféns, fazendo companhia ao seu partido. Zorrinho gostaria de ver os partidos a que chama da esquerda de protesto a darem aval às políticas de direita do PS em vez de protestarem contra elas. Zorrinho talvez achasse que aqueles partidos deveriam ter dado as mãos ao PS para serem aprisionados aos seus PEC que mais não eram que o prelúdio para o ato de agressão que teve lugar em 17 de maio de 2011, cujo nível de agressividade tem vindo a agravar-se com o tempo. Talvez Zorrinho devesse perder uns minutos do seu precioso tempo para se informar sobre o que propõe a esquerda que considera de protesto, simplesmente por não lhe interessarem as propostas.

Que saudades do Zorro. Esse, pelo menos, lá se virava contra o sargento Garcia e o cabo Reyes, percebendo estar ali o mal; este, pelos vistos, ainda não percebeu de que lado estão os maus e os bons... ou não quer perceber. Talvez por isso não chegue a Zorro!

 

E vamos lá ficar com El Zorro: http://www.kboing.com.br/banda-santa-clara/1-1011111/

Autoria e outros dados (tags, etc)

por insubmisso-sempre às 11:59

Quarta-feira, 28.08.13

O TANGERINAL DE CASTELO DE VIDE

Ela aí está a universidade de Castelo de Vide. Os universitários apertam-se na sala para caberem todos. Ninguém quer faltar para poder ficar na fila para o emprego que, para alguns, chegará não tarda, para outros ficará reservado para quando forem maiorzitos.

Decerto que o rapaz Hugo Soares continua por lá para acabar de atarrachar algumas ideias que ainda não consegue explicar bem quando tenta que o oiçam. É sempre difícil explicar o que não se percebe, moço!

E depois é vê-los, laranjas adultos e seniores, a desfilarem no tangerinal, com os devidos registos feitos, sobretudo, pelo canal que se assemelha a qualquer coisa do tipo GovernoTV.

Ontem foi até enternecedor ver o Carlos a falar como quem fala para estúpidos... "Não, Não Não...", repetia ele como que a contar trocos em moedas. Os universitários devem ter todos percebido, como podia notar-se pelas caras inteligentes com que posavam para a GovernoTV.

 

Para ir ouvindo enquanto se ouve a GovernoTV: https://www.youtube.com/watch?v=W7ehBrG1yug&list=UUzN8X0ESBxRi5XHa25k0mrA

Autoria e outros dados (tags, etc)

por insubmisso-sempre às 12:21

Terça-feira, 27.08.13

É A LUTA QUE FAZ (O) CAMINHO!

 

Como acontece sempre, só nunca ganha quem baixa os braços e desiste... Portanto, em tudo na vida, é a luta que faz (o) caminho! 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por insubmisso-sempre às 22:32

Terça-feira, 27.08.13

AOS SANTOS ALIADOS SÓ FALTA O CHÁ DO BARROSO

Já nem sequer são originais. Os santos aliados que se julgam donos do mundo têm em seu poder o conhecimento todo e querem intervir militarmente na Síria à margem das Nações Unidas e sem que os peritos que estão a averiguar quem afinal assassinou tenham elaborado os seus relatórios.

Esperar pela ONU, porquê?! Para que as decisões aí tomadas salvaguardem o respeito que as nações e os povos merecem?

Esperar pelos relatórios dos peritos porquê?! Afinal o governo sírio autorizou de imediato a investigação e ao que parece a emboscada de que foram vítimas os peritos não terá sido montada pelos governantes... isso são péssimos sinais para os santos aliados!

Portanto, antes que se denuncie ainda mais a hipocrisia e o ato de terrorismo que está a ser preparado por alguns estados contra outro estado, o melhor é fazer como fizeram com o Iraque: as provas são as que eles consideram que têm, ou seja, nenhumas, o que é mais do que suficiente para justificar o assalto aos poços de petróleo por parte de americanos, franceses e ingleses. Santa aliança essa, onde só falta o inefável Barroso a servir o chá.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

por insubmisso-sempre às 21:31

Terça-feira, 27.08.13

O GOVERNO VAI ESCONDER, ATÉ DEPOIS DAS ELEIÇÕES, AS MEDIDAS DE GRANDE VIOLÊNCIA QUE PRETENDE IMPOR!

COELHO, PORTAS E OUTROS TENTARÃO CONVENCER OS PORTUGUESES QUE NAS AUTÁRQUICAS O QUE CONTA SÃO AS PESSOAS E NÃO OS PARTIDOS. SE OS PORTUGUESES FOREM NESSE ENGANO, O GOVERNO APROVEITARÁ, LOGO NO DIA DAS ELEIÇÕES, PARA DIZER-SE LEGITIMADO A IMPOR TAIS MEDIDAS QUE PROVOCARÃO MAIS DESEMPREGO, MAIS MISÉRIA, MENOS APOIOS SOCIAIS E A CONTINUADA ROUBALHEIRA A QUE TEMOS SIDO SUJEITOS.

NAS AUTÁRQUICAS OS PORTUGUESES NÃO PODEM IR NA CONVERSA DELES. OS CANDIDATOS DO PSD E DO CDS NÃO MERECEM OS VOTOS DOS PORTUGUESES E, SE TIVESSEM VERGONHA NA CARA, NEM A DAVAM POR AQUELES PARTIDOS. É QUE DEPOIS DA ASNEIRA FEITA, OS ARREPENDIMENTOS SÃO ESCUSADOS!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por insubmisso-sempre às 13:47

Domingo, 25.08.13

ENGRANCHADOS NA ORDEM? NÃO, OBRIGADO!

Às vezes há quem ache que os problemas dos professores se resolveriam com a existência de uma ordem. Será que resolviam, ou será que os professores passavam a ter uma nova tutela, para além do MEC, para os desrespeitar, para os despedir, para os maltratar?

Talvez valha a pena pensar no assunto a partir de um exemplo concreto. Vamos a ele.

João Grancho era  presidente da denominada associação nacional dos professores, o sucedâneo da ANPEB criada por Lemos Damião. Nessa qualidade, Grancho revelou-se um dos principais defensores de uma ordem dos professores, sendo essa exigência uma das principais da sua associação.

O seu discurso, na qualidade de presidente da associação, era de aparente defesa dos professores, contestanto a degradação das suas condições de trabalho, a precariedade no exercício da profissão docente ou mesmo a redução do número de professores nas escolas, o que, afirmava, punha em risco a realizaçãode todas as suas missões.

Grancho não falhava as manifestações em Lisboa, em 2008 e 2009, contra as políticas desenvolvidas por Lurdes Rodrigues, mostrando-se ali, junto aos professores, e não se esquecendo de saudar os dirigentes sindicais pelas suas intervenções

Grancho, no entanto, não resistiu ao apelo e pulou para o poder. Começou devagarinho, pela defunta DREN, mas logo se esticou até chegar ao governo propriamente dito, como secretário de estado numa equipa ministerial que já tem no seu currículo o maior abate de professores, despedindo-os, e a mais grave degradação das suas condições de trabalho.

Grancho está por isso comprometido com o desemprego dos docentes, com a instabilidade crescente, com o agravamento dos horários de trabalho, com a prova imposta aos docentes contratados para poderem continuar a ser professores, com alterações curriculares que empobrecem o ensino, com cortes cegos no financiamento da Educação, com os ataques violentos desferidos por Nuno Crato e a sua equipa, que integra, contra a Escola Pública.

Não surpreende, porém. Seria para dar aval a esta políticas e às práticas que delas decorrem que serviria a ordem. Para se assumir como mais uma instância de controlo dos professores, atentando contra a sua autonomia profissional, substituindo-se e/ou acrescentando-se à tutela que já hoje se abate sobre os professores.

É esta ordem em que nos querem meter e não é por acaso que os seus grandes defensores são sempre gente comprometida com os partidos do chamado arco da governabilidade, como Grancho. Grancho não engana. Nisso, é como o algodão.

Autoria e outros dados (tags, etc)

por insubmisso-sempre às 00:17

Sábado, 24.08.13

TRAFULHAS, É O QUE SÃO!

O deputado Montengero do PSD considerava, em 2009, que era injusta a prova de ingresso na profissão e sobretudo o regime de dispensas, que era curto. Agora no governo, o PSD quer, afinal, que todos os professores contratados façam tal prova e revoga o regime de dispensas que era injusto.

O CDS, em 2010 queria que todos os professores com 10 ou mais anos de serviço entrassem nos quadros, mas agora no governo até tem dúvidas que esses professores possam estar na profissão.

O programa do governo prevê a implementação de uma prova de acesso à profissão de professor, mas afinal agora o governo quer que se submetam a tal prova todos os que, há muito tempo, acederam à profissão e têm prestado contas muito positivas do trabalho que desenvolvem.

O agora secretário de estado João Grancho, quando era apenas presidente da associação nacional de professores e desfilava em Lisboa nas manifestações de docentes, afirmava que não se podia exigir mais nada aos professores, porém, agora, chegado ao poder é o principal defensor desta prova, exigindo ainda mais aos professores.

São uns trafulhas, é o são, e só nos resta, ainda com mais convicção e razões, pô-los a andar. Mas que grande cambada esta que ocupa as cadeiras do poder, hoje já sem qualquer legitimidade. Rua com eles!

Autoria e outros dados (tags, etc)

por insubmisso-sempre às 01:22

Terça-feira, 20.08.13

AFINAL, HÁ EXCEÇÕES...

 Ramada Curto, distinto advogado, político e dramaturgo da primeira metade do séc. XX, interveio nalguns dos processos-crime mais célebres do seu tempo, deixando variadíssimas e brilhantes "histórias" para a posteridade. Vejamos esta:

Patrocinador da defesa de um arguido acusado de chamar "filho da puta" ao ofendido, expressão que, na altura, era considerada altamente ofensiva, Ramada Curto inicia as suas alegações começando por chamar a atenção do juiz para o facto de, muitas vezes, se utilizar essa expressão em termos elogiosos ("Ganda filho da puta, és o melhor de todos !") ou carinhosos ("Dá ca um abraço, meu grande filho da puta !") tendo concluído da seguinte forma :

 "E até aposto que, neste momento, V. Exa., Meretíssimo Juíz, estará a pensar o seguinte :

'Olha do que este filho da puta não se havia de ter lembrado só para safar o seu cliente !'.

Chegada a hora da sentença, o juiz volta-se-se para o réu e diz :

"O senhor vai absolvido, mas bem pode agradecer ao filho da puta do seu advogado".

 

PARA DESCONTRAIR: http://www.youtube.com/watch?v=zz9C0xaLTxE

Autoria e outros dados (tags, etc)

por insubmisso-sempre às 17:22

Segunda-feira, 19.08.13

AS AMPLAS LIBERDADES EM VERSÃO YANKEE

A democracia afinal é assim uma coisa que se deve servir à medida do interessado. O tal paraíso da democracia e das amplas liberdades, conclui-se agora, não a tolera quando é a si que cabe ser democrata e amplo na liberdade que concede. O caso Snowden é bem exemplo disso. O homem disse ao mundo o que os yankees andavam a fazer e isso não pode acontecer. Fosse ele chinês, cubano, boliviano, venezuelano, russo ou mesmo brasileiro ou argentino... fosse o que fosse e os yankees seriam os primeiros a encontrar umas quantas razões humanitárias para lhe dar guarida; fossem os states os espiolhados e estaria encontrada a causa para uma agressão... agora assim?! um Snowden americano?! Pode lá ser! E se não se apanha o Snowden apanham-se os que se dão com os que se dão com ele.

 

Esta equivalência de David Miranda a terrorista em trânsito não lembraria ao diabo mas, pelos que se viu, lembrou a gente de carne e osso. Não há dúvida que a democracia, a liberdade, os terroristas e etc, etc, etc... serão bons ou serão maus conforme interessa. E, neste caso, o que parece interessar é apenas o que interessa aos yankees. Como diria o outro: temos pena!

 

PARA QUE AINDA NÃO VIU: http://www.youtube.com/watch?v=YrXl8ECp68k&list=PLYmwFR_XLSpZl5HDlbsBWrKO0sclM1fdS

Autoria e outros dados (tags, etc)

por insubmisso-sempre às 22:53

Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

Pesquisar no Blog  

calendário

Agosto 2013

D S T Q Q S S
123
45678910
11121314151617
18192021222324
25262728293031